quarta-feira, 30 de abril de 2014

EMBRAER DIVULGA OS RESULTADOS DO 1º TRIMESTRE DE 2014


São José dos Campos, 30 de abril de 2014 - (BM&FBOVESPA: EMBR3, NYSE: ERJ) As informações operacionais e financeiras da Empresa, exceto quando de outra forma indicadas, são apresentadas com base em números consolidados em IFRS e em Reais. Os dados financeiros correspondentes aos períodos encerrados em 31 de março de 2013 (1T13), 31 de março de 2014 (1T14) são derivados de demonstrações financeiras revisadas e o período encerrado em 31 de dezembro de 2013 (4T13) é derivado de demonstrações financeiras não auditadas, exceto quando de outra forma indicadas.
DESTAQUES

- No 1º trimestre de 2014 (1T14), a Embraer entregou 14 aeronaves comerciais e 20 aeronaves executivas (sendo 17 jatos leves e 3 jatos grandes);
- A carteira de pedidos firmes (backlog) cresceu novamente no trimestre e alcançou US$ 19,2 bilhões, seu maior nível desde o 2T09, em função principalmente de novas vendas na Aviação Comercial;
- Como resultado das entregas de aeronaves bem como da crescente receita na área de Defesa & Segurança, a Receita líquida atingiu R$ 2.928,8 milhões no 1T14;
- As receitas dos segmentos de Defesa & Segurança e Aviação Executiva cresceram aproximadamente 85% quando comparadas ao mesmo período do ano anterior e em linha com a estratégia de diversificação da Companhia;
- As margens EBIT  e EBITDA² atingiram 7,4% e 12,1% respectivamente no 1T14;
- O Lucro líquido atribuído aos acionistas da Embraer foi de R$ 258,7 milhões no 1T14, e o Lucro por ação foi de R$ 0,3534;
- O Caixa líquido3 totalizou R$ 119,3 milhões no 1T14.

terça-feira, 29 de abril de 2014

Lufthansa identifica €1,1 bi sob programa de reestruturação

Hamburgo - A Lufthansa identificou projetos no valor de 1,1 bilhão de euros (1,5 bilhão de dólares) em 2014 e quase 900 milhões de euros em 2015 sob seu atual programa de reestruturação, disse nesta terça-feira o presidente-executivo da companhia aérea, Christoph Franz, que está de saída do cargo.

A Lufthansa começou o programa de reestruturação SCORE em 2012 visando melhorar seus resultados operacionais em 1,5 bilhão de euros em 2015 em comparação com 2011.
Após mudanças contábeis, a meta de lucro operacional para 2015 é de 2,65 bilhões de euros. O grupo espera lucro entre 1,3 bilhão e 1,5 bilhão de euros em 2014.
Os projetos identificados no SCORE não incluem flutuações cambiais e preços de petróleo.

Franz, que passará o comando da maior companhia aérea alemã em maio para Carsten Spohr, deu as declarações na assembleia anual de acionistas.

GOL está sendo impactada com a inadimplência do governo venezuelano.


















Os problemas de inadimplência do governo da Venezuela com a indústria do transporte aéreo comercial já dura muito tempo (veja Hot News de 07.01.1427.01.1418.03.14 e 16.04.14). Segundo a IATA, o débito com as companhias aéreas estrangeiras que operam no país chega a US$ 3,7 bilhões. Hoje, no final da tarde, a GOL Linhas Aéreas Inteligentes S.A. distribuiu um comunicado, informando que na impossibilidade de transferir seu caixa, que em 31 de março totalizava R$ 350,3 milhões, e em função da desvalorização da moeda venezuelana, vai lançar como “impairment” a quantia de R$ 75,9 milhões relacionada àquele caixa. Veja a íntegra do comunicado:


COMUNICADO AO MERCADO


São Paulo, 28 de abril de 2014 - A GOL Linhas Aéreas Inteligentes S.A. (BM&FBovespa: GOLL4 e NYSE: GOL), (S&P: B, Fitch: B-, Moody's: B3), a maior companhia aérea de baixo custo e baixa tarifa da América Latina, com base nas informações constantes em seu relatório anual no Formulário 20-F, arquivado na Comissão de Valores Mobiliários dos Estados Unidos - SEC hoje, informa que o governo venezuelano anunciou as novas taxas de câmbio aplicáveis a certas indústrias, incluindo a indústria aérea, que entrarão em vigor em 2014. A CADIVI (Comisión de Administración de Divisas), que em 13 de fevereiro de 2013 correspondia a VEF 6,30/US$ 1,00, deixou de ser a taxa de câmbio aplicável a companhias aéreas, que é agora estabelecida em leilões semanais conhecidos como SICAD (Sistema Complementario de Administración de Divisas), correspondendo a VEF 10, 70/US$ 1,00 em 31 de março de 2014. Embora o governo venezuelano tenha assegurado ao público em geral que tais taxas não se aplicarão ao dinheiro em circulação no país antes da resolução que estabeleceu as novas taxas de câmbio, não podemos prever se seremos capazes de transferir tempestivamente e de forma economicamente viável nosso caixa até então mantido na Venezuela, que em 31 de março de 2014 totalizava R$350,3 milhões. Em vista da desvalorização da moeda venezuelana desde 31 de dezembro de 2013, reconheceremos, em 31 de março de 2014, um impairment de R$75,9 milhões relacionados a tais recursos, que impactarão nosso resultado financeiro, sem impactar os resultados operacionais. Apesar do cenário de incertezas na Venezuela, planejamos repatriar o saldo remanescente.

AZUL E SENNA

Para lembrar os 20 anos do legado do piloto brasileiro tricampeão mundial de fórmula 1 Ayrton Senna, a Azul e a TAP Manutenção e Engenharia Brasil firmaram uma parceria para homenageá-lo, realizando nesta terça-feira (29/04), no Aeroporto Internacional Salgado Filho, em Porto Alegre, o batismo de uma Embraer 195 com uma pintura especial em alusão à carreira de um dos maiores ídolos de todos os tempos. De matrícula PR-AYU, o jato da Azul, que leva o nome de ‪#‎sennasempre‬, foi pintado no Hangar da TAP M&E Brasil, em Porto Alegre.
A Azul Linhas Aéreas Brasileiras fechou uma parceria com o Instituto Ayrton Senna, na qual estão previstas uma série de ações.
A parte frontal da aeronave recebeu a pintura do mítico capacete de Senna – o símbolo mais memorável do piloto brasileiro nas pistas – nas cores amarelo, verde e azul. As naceles dos motores estampam agora o selo Ayrton Senna Sempre, que celebra os 20 anos do legado do piloto. O nome de batismo do Embraer 195 – #sennasempre – está sendo utilizado em várias utilizado em todas as ações planejadas pelo instituto no ano de 2014.
Para celebrar o início desta parceria, a Azul doou ao Instituto Ayrton Senna um milhão de pontos do TudoAzul, que serão trocados por passagens para utilização em apoio às atividades realizadas pela ONG em todo o Brasil.
"Senna era apaixonado pelo que fazia, obcecado pela excelência e fanático por nosso país. A Azul procura espelhar estas características que foram marcas registradas de nosso eterno campeão. Não menos importante, admiramos o belíssimo trabalho do Instituto Ayrton Senna, pilotado magistralmente por Viviane Senna. Por meio desta parceria, queremos prestar nosso apoio aos seus valorosos projetos”, destaca Gianfranco Beting, diretor de Comunicação, Marca e Cultura da Azul.
“Não é de se admirar o fato do Senna, mesmo anos após sua morte, continuar sendo esta referência para todos nós. Ele foi, é e sempre será um grande exemplo, não só pelas suas vitórias, mas pela garra, inteligência, ousadia, solidariedade, espírito de liderança e superação de limites. Por todas essas características e por tudo que ele nos representa até hoje, é uma honra, privilégio e orgulho homenageá-lo nesta data memorável com um serviço feito dentro das nossas instalações e com total empenho de nossa equipe”, enfatiza Nestor Koch, Diretor-Presidente da TAP M&E Brasil.
“No ano em que celebramos 20 anos do legado de Ayrton Senna, essa parceria com a Azul é muito importante. A companhia não só presta uma grande homenagem ao nosso tricampeão, como apoia o Instituto Ayrton Senna. Nossos programas educacionais estão presentes em mais de 1.300 municípios brasileiros, e agora vamos chegar nesses locais voando Azul”, afirma Marco Crespo, diretor de Negócios do Instituto Ayrton Senna.







Fonte: GianFranco Beting 

f

segunda-feira, 28 de abril de 2014

Air Berlin inicia reestruturação, apoiada pela Etihad

A Etihad Airways apoiou a decisão da Air Berlin de acelerar sua mudança estrutural para atingir lucratividade sustentável e contratar um diretor executivo de Reestruturação. A companhia aérea alemã anunciou uma revisão estratégica de seu modelo de negócios, “com objetivo predominante de se reestruturar e elaborar um formato de operação mais robusta e adequada para a finalidade nas atuais condições competitivas do mercado”.


Em apoio a essa reestruturação, a Etihad Airways, companhia aérea nacional dos Emirados Árabes Unidos (EAU), assinará um título perpétuo conversível garantido de 300 milhões de euros com 8% subordinados.”Isso fará parte de uma recapitalização, com o objetivo de fortalecer e ajudar na reorganização da estrutura do capital da Air Berlin e garantirá melhores perspectivas de longo prazo para o negócio e seus acionistas”, diz a Etihad em comunicado. A participação da Etihad Airways na empresa alemã ficará inalterada em 29,21%. A Air Berlin emitirá mais um título de, no mínimo, 50 milhões de euros para fins de financiamento corporativo geral.

James Hogan, presidente e CEO da Etihad Airways, reafirma que a companhia aérea era investidora minoritária estratégica na Air Berlin e continua confiante e comprometida no longo prazo: “a Air Berlin claramente está em uma posição muito desafiadora. Entretanto, temos confiança de que os negócios estão caminhando na direção certa e podem se recuperar, mas é necessária uma reestruturação acelerada e fundamental. A companhia aérea tem todo o nosso apoio neste processo, estamos aqui no longo prazo – para a Air Berlin, para os viajantes e para a comunidade”, afirmou.

Ao explicar os méritos da estratégia de investimento acionário da Etihad Airways na Alemanha, o executivo comenta que esta parceria também tem benefícios muito claros para a Etihad Airways. Quando a companhia aérea dos EAU se associou à Air Berlin, em 2011, operava apenas 25 voos por semana para três destinos. Em uma só transação na época, por menos do que o custo de um avião de fuselagem larga, a Etihad Airways ganhou acesso a mais de 30 milhões de passageiros e uma rede europeia combinada de 228 destinos em 84 países. 

“Atualmente, o panorama é muito diferente e a Alemanha está no centro de nossa rede de rotas da Europa”, revela Hogan. Depois de apenas dois anos, as duas companhias aéreas operam 56 voos semanais e, em 2013, transportaram mais de 560 mil passageiros em ambas as redes, o que representa um aumento de 75,3% em 2012, gerando mais de 200 milhões de euros em novas receitas. “A airberlin é a maior contribuidora de passageiros para a rede de rotas global da Etihad Airways”, finalizou o CEO da Etihad Airways.

Swiss adiciona 4 novas frequências na rota SP-Zurique

Aviação , Todas frequências serão operadas em aeronaves A340-300

Todas frequências serão operadas em aeronaves A340-300
A Swiss ampliará a frequência semanal de voos ligando São Paulo a Zurique e, a partir de 27 de outubro, vai operar dez voos entre o Aeroporto Internacional de Guarulhos e a cidade suíça. De 9 de novembro de 2014 a 4 de janeiro de 2015, haverá o acréscimo de mais uma frequência, totalizando 11 voos semanais. Atualmente a empresa possui sete freqüências entre os dois países e, com o aumento, disponibilizará 57% mais assentos.

“Temos registrado uma ocupação muito boa na rota e a decisão de aumentar a capacidade revela o interesse da companhia no mercado latino-americano”, disse a diretora de Marketing e Vendas da Swiss na América do Sul, Valquíria Mendes. Todos os voos serão operados com o Airbus A340-300 que já é usado na rota.

fonte : panrotas

Homenagem da Azul para o Ayrton Senna.

Na semana passada a coluna mostrou uma concepção gráfica de como deve ficar o avião Embraer 195 da Azul pintado para homenagear o tricampeão de Fórmula-1 Ayrton Senna. No hangar da TAP Manutenção e Engenharia no aeroporto Salgado Filho, o avião já recebeu pintura e adesivagem no nariz com as cores do capacete utilizado pelo piloto nos circuitos da categoria. Na próxima terça-feira, uma cerimônia em Porto Alegre marcará a apresentação do avião. O evento contará com a presença de Viviane Senna, presidente do Instituto Ayrton Senna. No início de maio, serão lembrados os 20 anos da morte do piloto.

Voos Assunção-SP da Tam tem 80% de ocupação

A Tam oferece diversas vantagens para quem deseja viajar para Assunção, no Paraguai. A companhia opera três voos diários partindo de São Paulo, com embarque no Aeroporto Internacional de Guarulhos (SP). 

"As frequências são operadas pela aeronave A320. Os horários são modificados trimestralmente de acordo com a demanda. Eles estão apresentando em média 80% de ocupação, o que nos deixa muitos satisfeitos", disse o gerente comercial da Tam no Paraguai, Juan Pablo Manzi.

Em relação a Copa, o executivo disse que a expectativa é que a ocupação seja total. "A seleção paraguaia não vai jogar a Copa do Mundo, mas o povo é um amante do esporte. Acredito que no período do evento, a ocupação seja de 100%", prospectou.

O gerente destacou ainda que a companhia é a única brasileira que voa para Ciudad del Este. "É um destino muito procurado por turistas brasileiros e não tem limite de vendas. Além de atender a demanda da região de Santa Rita, onde moram muitos brasileiros", destacou.

Oneworld - No Paraguai, a Tam entra na aliança somente no fim do ano. Fato que para o executivo deve beneficiar todos os passageiros no país. "Vai ser muito benéfico para nós, pois vai ampliar ainda mais nossas opções de conexões, afirmou.

domingo, 27 de abril de 2014

Lufthansa atualiza classe executiva de seus A380


A Lufthansa Technik entregou, no começo do mês, o primeiro de dez Airbus A380 com a nova business class para a Lufthansa. A entrega, realizada em Hamburgo, faz parte do programa proposto pela empresa de levar para o A380 a nova classe executiva, lançada com o Boeing 747-8 e gradativamente implantada em toda a frota de aeronaves de longa distância da companhia alemã. Os voos que partem de São Paulo para Frankfurt todos os dias com o Boeing 747-8 já contam com a nova classe de serviço.

O primeiro A380 a passar pelo retrofit foi o batizado de “Munich”, recebido pela empresa em julho de 2010. De lá para cá, a aeronave já realizou mais de 1,5 mil voos e voou 6,6 milhões de milhas, o equivalente a 308 voltas ao mundo. Após a modificação, o A380 passará a contar na executiva com um total de 92 assentos na configuração 2-2-2. Os oito assentos na primeira e os 420 na econômica permanecem inalterados, para um total de 520 lugares a bordo.

A nova class executiva proporciona tem um sistema integrado de colchão de ar, controles intuitivos, espaço adicional para a guarda de pertences e sistema de entretenimento de bordo com monitores de 15 polegadas. O simples pressionar de um botão transforma o assento em uma cama horizontal com 1,98 metro de comprimento.

Até meados de 2015, a nova classe executiva estará disponível em todos os 106 jatos intercontinentais da frota Lufthansa. É também na mesma época do ano que os Airbus A380 da empresa apresentarão a nova classe econômica premium, que teve estreia na nova frota 747-8 e se caracteriza pelos assentos especialmente projetados e fabricados pela Lufthansa, dispostos em um espaço que é cerca de 50% maior quando comparado às cabines convencionais da classe econômica.

Qatar Airways abre diversas vagas em GRU

Qatar Airways Recrutamento para São Paulo, Brasil2014

Aqui é o seu bilhete para uma nova carreira com estrela principal companhia aérea do mundo 5. Precisamos de pessoas com paixão pela prestação de serviço!
Se você tem o que é preciso para entregar 5 estrelas Serviço com um sorriso, então nós gostaríamos de conhecê-lo.Estamos à procura de um número de candidatos de 5 Estrelas para se juntar a nossa equipe na prestação de um serviço excepcional aos nossos clientes em São Paulo, Brasil.
Temos muitas oportunidades para cargos através das Operações Aéreas e está direcionando os candidatos com Serviços aos Clientes Fundos, de preferência da indústria aérea. Seu currículo deve incluir detalhes completos sobre o seu desenvolvimento de carreira, até à data, incluindo a formação pertinente.
Por favor se inscrever online para uma das oportunidades abaixo e se sua aplicação é pré-seleccionados, nós lhe enviaremos um convite para o evento, com local, data e hora mais detalhes. Apenas os candidatos pré-seleccionados serão contactados para entrevistas.
  • Nome do Evento  : Qatar Airways Recrutamento para São Paulo, Brasil


O candidato deverá efetuar seu cadastro pelo site da Qatar Airwayscareers.qatarairways.com/qatarairways/NewsEvents.aspx?PageID=12043.

sexta-feira, 25 de abril de 2014

Embraer leva avião Ipanema à Agrishow de Ribeirão Preto

São José dos Campos – SP, 25 de abril de 2014 – A Embraer participa, de 28 de abril a 2 de maio, da 21ª edição da Agrishow (www.agrishow.com.br), feira dedicada ao agronegócio que será realizada na cidade de Ribeirão Preto, no interior do Estado de São Paulo. A Empresa ocupará o estande E22C1, na Avenida 22, onde exibirá a aeronave Ipanema movida a etanol.


Produto mais longevo da Embraer, com 43 anos de produção ininterrupta, o Ipanema já teve mais de 1.300 unidades entregues. “O sucesso da aeronave se deve, também, à sua capacidade de adaptação: ao longo do tempo, foram incorporadas melhorias no Ipanema de acordo com as necessidades dos clientes, o que tem garantido a confiança e a sua liderança no mercado”, disse Fábio Bertoldi Carretto, Gerente Comercial da Embraer para o programa.

O Ipanema foi a primeira aeronave produzida em série no mundo a sair de fábrica certificada para voar com etanol (álcool hidratado), mesmo combustível utilizado em automóveis – o modelo está disponível desde 2005. A fonte alternativa de energia renovável, derivada da cana-de-açúcar, reduziu o impacto ambiental e os custos de operação e manutenção e ainda melhorou o desempenho geral da aeronave, tornando-a mais atrativa para o mercado. Hoje, cerca de 40% da frota em operação é movida a etanol e aproximadamente 80% dos novos aviões são vendidos com essa configuração.

Líder no mercado de aviação agrícola no Brasil, com cerca de 65% de participação, o Ipanema é utilizado principalmente na pulverização de fertilizantes e defensivos agrícolas, evitando perdas por amassamento na cultura e flexibilizando a operação. As principais culturas que têm demandado o avião são: algodão, arroz, cana-de-açúcar, citrus, eucalipto, milho, soja e café. Ele também pode ser utilizado para espalhar sementes, combater vetores e larvas, e no combate primário a incêndios e povoamento de rios.


Singapore Airlines reduzirá o número de voos para a Austrália com o A380

A partir do dia 29 de maio, a Singapore Airlines (SIA) operará apenas um voo diário com o A380 para Sydney e Melbourne, contra os dois de hoje para cada uma daquelas cidades da Austrália. E a partir do final de outubro, Melboune deve perder também o único voo diário com o A380. Além de trocar frequentemente as aeronaves nessas rotas, a SIA também considera a Austrália um “destino regional” e está fazendo ajustes em sua frota de A380 - possivelmente esteja sendo afetada também pelas operações das “concorrentes do Golfo”. Tanto é, que nas próximas semanas a companhia aérea deverá reduzir seus voos com o A380 para Londres e passar a utilizar o superjumbo em suas operações para Mumbai e Deli. Mais informações: singaporeair.com.

Azul linhas aéreas se prepara para voos para os Estados Unidos

A330 e A350 da Azul














Ex-VP da Gol assume direção de Operações da Azul

Depois de anunciar voos para os Estados Unidos em 2015, a Azul Linha Aéreas divulgou hoje que tem novo diretor de Operações. Trata-se de Adalberto Bogsan, que iniciou suas atividades na empresa aérea na segunda quinzena de abril e dará continuidade à proposta de comunicação com pilotos e acompanhamento da atuação desses profissionais. O novo diretor de Operações se reporta ao vice-presidente Técnico Operacional Flávio Costa e substituirá Laércio Devegili.

Bogsan é formado em Administração de Empresas Aéreas pela Universidade Anhembi Morumbi e concluiu MBA em Gestão Empresarial na FGV. Iniciou a carreira em 1988, na extinta companhia aérea Varig, onde ocupou vários cargos. Atuou também na companhia aérea Gol por 12 anos, sendo os quatro últimos como vice-presidente Técnico Operacional. Anteriormente, atuou na Rio Sul, EDS e General Motors. Exerceu, ainda, atividades como piloto. Recentemente, a companhia anunciou a chegada de Sami Foguel, novo vice-presidente de Pessoas da Azul. Foguel substitui Jason Ward no cargo.

<br>
David Neeleman fala sobre as rotas internacionais da Azul - TV Correio

quinta-feira, 24 de abril de 2014

Avianca transportou mais de 6 milhões PASSAGEIROS


Em março de 2014, as controladas da Holdings SA Avianca transportou mais de 2,1 milhões de passageiros, um aumento de 5,1% no número de passageiros em relação ao mesmo mês de 2013.

No primeiro trimestre de 2014, as controladas da Avianca Holdings SA (NYSE: AVH) (BVC: PFAVH) (*) 6'188 0,726 mobilizou passageiros, registrando um aumento de 3,3% no número de passageiros transportados em relação ao mesmo período de 2013 . capacidade, medida em ASK (assentos disponíveis voado km) aumentou 5,5%. Enquanto isso, o tráfego de passageiros medido em RPK (passageiro-quilômetro voado pagamentos) cresceu 2,3%. Como resultado, o fator de carga no período foi de 78,4%.

Em março de 2014, as controladas da Holdings Avianca mobilizou 2'112 0,639 passageiros, um aumento de 5,1% para número de passageiros março de 2013. Durante este mês, a capacidade, medida em ASK (assentos disponíveis por quilômetro voado) aumentou 5,9% eo tráfego de passageiros medido em RPK (passageiros pagamentos voado) por quilômetro crescimento registrado de 3,7%. Os factores de utilização foi de 76,6%.

Os mercados domésticos da Colômbia, Peru e Equador
O número total de passageiros que utilizam as empresas Avianca Holdings na Colômbia, Peru e Equador, durante o primeiro trimestre foi de 3'619 .550, 5% acima do registrado no mesmo período de 2013. Capacidade (ASK) nestes mercados aumentou 6,4%, enquanto o tráfego de passageiros (RPK) aumentou 5,4%. Como resultado, o fator de ocupação ficou em 77,2%.

Em março, ligado a Avianca Airlines Holdings transportados para esses mercados 1'249 .508 classificação, 6,9% maior que o registrado em março de 2013. capacidade (ASK) aumentou 4,8% neste mês, enquanto que o tráfego de passageiros (RPK) aumentou 7,1%. Como resultado, a média de ocupação dos vôos ficou em 76,9%.

Mercados internacionais  
No primeiro trimestre de 2014, o número de passageiros que utilizam as companhias aéreas do grupo em rotas internacionais somaram 2'569 .176, 0,9% superior ao registrado no mesmo período de 2013, figura. Capacidade (ASK) cresceu 5,2% e tráfego de passageiros (RPK) aumentou 1,6%. Média de ocupação nas rotas internacionais nos primeiros três meses do ano para 78,7% ACENDIO.

Durante o terceiro mês do ano, as companhias aéreas Avianca Holdings integradas realizadas 863.131 viajantes em rotas internacionais, 2,6% superior ao registrado no mesmo período de 2013. Capacidade (ASK) aumentou 6,2%, enquanto o tráfego passageiros (RPK) aumentou 2,8%. Os factores de utilização foi de 76,6%.

American Airlines tem lucro líquido recorde de US$ 480 mi

A receita totalizou US$ 9,995 bilhões, também um número recorde e 5,6% mais que no mesmo período do ano fiscal 2013, enquanto as despesas caíram 0,3%

Nova York - A American Airlines, a maior companhia aérea do mundo, anunciou nesta quinta-feira um lucro líquido recorde de US$ 480 milhões durante o primeiro trimestre, após ter perdido US$ 341 milhões no mesmo período do ano passado.
A receita totalizou US$ 9,995 bilhões, também um número recorde e 5,6% mais que no mesmo período do ano fiscal 2013, enquanto as despesas caíram 0,3%, graças sobretudo ao menor preço do combustível, segundo a companhia em comunicado.
O lucro por ação foi de US$ 0,65, frente à perda de US$ 1,37 do primeiro trimestre do exercício fiscal 2013.
Os números apresentados hoje pela companhia são as do primeiro trimestre completo da nova American Airlines Group, surgida da fusão da American Airlines e US Airways, uma operação finalizada no início de dezembro do ano passado.
O lucro por ação superou o US$ 0,48 previstos pelos especialistas, embora a receita tenha ficado ligeiramente abaixo dos US$ 10,020 bilhões previstos.


Boeing anuncia compromisso com a Shandong Airlines para 50 jatos 737

A fabricante norte-americana Boeing anunciou ter acordado um compromisso com a companhia aérea chinesa Shandong Airlines para entregar 50 jatos, incluindo 16 aviões 737 NG e 34 aeronaves 737 MAX. A empresa planeja expandir sua capacidade para atender à crescente demanda na China e Nordeste da Ásia, um dos maiores mercados do mundo.

Lucro líquido da JetBlue cai para US$ 4 mi no 1º tri

São Paulo - Em março, 6,3 milhões de passageiros utilizaram o transporte aéreo, número 3,4% acima de igual período em 2013.
Nova York - A companhia aérea JetBlue registrou lucro líquido de US$ 4 milhões no primeiro trimestre de 2014 (US$ 0,01 por ação), uma queda de 71,43% em relação aos US$ 14 milhões (US$ 0,05 por ação) do mesmo período do ano passado.
Na mesma comparação, a receita subiu 3,8% para US$ 1,35 bilhão.
Segundo a companhia, o resultado fraco foi consequência de maiores despesas operacionais e impactos do inverno rigoroso nos Estados Unidos.
A companhia relatou o cancelamento de 4,1 mil voos durante o trimestre, que cortaram a receita em cerca de US$ 50 milhões, e que as despesas operacionais aumentaram 5,5%.
Por outro lado, a receita passageiro/milha, que é uma importante medida de desempenho para a indústria aeronáutica, subiu 0,9%.
O diretor executivo da companhia, Dave Barger, disse que espera que a maturação de alguns investimentos e a aposta em produtos e serviços diferenciados vão ajudar a empresa a expandir as margens e melhorar o retorno aos acionistas no decorrer deste ano. Fonte: Dow Jones Newswires.

United Airlines registra perda líquida de US$ 489 milhões

O grupo americano de transporte aéreo United Continental aumentou sua perda líquida a 489 milhões de dólares no primeiro trimestre de seu exercício, em comparação com os 417 milhões de dólares do ano anterior, afetado especialmente pelas excepcionais más condições do tempo nos Estados Unidos.

A perda ajustada por ação, de referência para Wall Street, se estabeleceu em 1,33 dólar, contra uma perda por ação de 98 centavos no primeiro trimestre de 2013.

Este número, no entanto, é menor que o esperado pelos analistas, que estimavam, em média, que a perda seria de 1,35 dólar por ação.

GOL sobe 5,6% com divulgação de taxa de ocupação

São Paulo - Em março, 6,3 milhões de passageiros utilizaram o transporte aéreo, número 3,4% acima do mesmo período do ano passado.
A taxa de ocupação foi a mais elevada para um mês de março, segundo a Associação Brasileira das Empresas Aéreas (Abear). A oferta de voos caiu 0,6% porque “permanece disciplinada em razão do cenário de custos elevados que perdura desde 2011”, informa a associação.
A notícia é boa para as empresas aéreas. As ações preferenciais (PN, sem voto) da GOL estavam em alta de 5,60% na Bovespa, às 16h30.
A taxa de ocupação dos voos ficou em 79,6%, em março, com aumento de 5,2 pontos percentuais, e o total de passageiros transportados foi 7,3% maior do que em igual período de 2013. A TAM mantém a liderança com 38,9% do mercado doméstico, seguida pela GOL, 36,2%, Azul, 16,5%, e Avianca, 8,4%.
As duas empresas que voam para fora do país, GOL e TAM, transportaram 395 mil passageiros em voos internacionais, em março, com alta de 2% e taxa de ocupação em 80,1%. No acumulado do ano até março, 1,1 milhão de passageiros foram transportados, número, 4,3% inferior a igual período de 2013.


Azul oferece passagens a partir de R$ 79 em nova "Promoção da Hora"

A Azul anunciou nesta quinta-feira (24/04) a nova Promoção da Hora. Entre as 14h desta quinta (24/04) e 14h desta sexta-feira (25/04), a companhia disponibilizará passagens a partir de R$ 79,00 ou 7.000 pontos do programa de milhas da companhia. A promoção é válida para voos realizados neste fim de semana.

Bilhetes com desconto podem ser encontrados para rotas como Campinas-Belo Horizonte (Confins) e Curitiba-São Paulo (Guarulhos). Os Clientes também voam com a Promoção da Hora de Campinas para Brasília e de Curitiba para Campinas. As passagens de ida e volta devem ser combinadas de acordo com a disponibilidade.

Emirates lança oferta para brasileiros membros do programa Skywards

A Emirates Airline lançou uma oferta para passageiros brasileiros, membros do programa de milhas Skywards, viajando para diversos destinos da Ásia, incluindo Japão. Na compra de um bilhete ida e volta, em classe econômica flex, partindo do Rio de Janeiro para destinos selecionados na Ásia, Austrália ou Nova Zelândia, o cliente ganhará milhas Skywards suficientes para a emissão de um bilhete prêmio, em classe econômica, entre o Rio de Janeiro e Buenos Aires. 

Viajantes que ainda não são membros do programa também podem se beneficiar da oferta, basta registrar-se gratuitamente no site da companhia para ter acesso a este e outros benefícios de ser um membro Skywards. A emissão dos bilhetes, tanto o promocional quanto a compra, pode ser feita pelo site da Emirates, com agente de viagens ou visitando uma das lojas Emirates no Brasil. 

A oferta é válida para passageiros brasileiros que reservarem bilhetes ida e volta (econômica flex) para viajar entre hoje, 24 de abril, e 30 de setembro de 2014. O bilhete promocional também deve ser emitido até 30 de setembro, mas a viagem pode ser realizada depois desta data. Condições especiais são aplicadas. 

Aviação cresceu 8,9% no primeiro trimestre de 2014

A Associação Brasileira das Empresas Aéreas (Abear) divulgou nesta manhã a demanda por transporte aéreo avançou 8,9% nos três primeiros meses de 204, alcançando 23 bilhões de RPKs (passageiros-quilômetros transportados). A oferta cresceu apenas 1,8% em relação ao mesmo período de 2013, chegando a 29 bilhões de ASKs (assentos-quilômetros oferecidos). A taxa de ocupação doméstica no período foi de 79,6%, aumento de 5,2 pontos percentuais. O total de passageiros transportados no período é 7,3% superior ao de 2013.

Em março, houve uma redução de 0,6% na oferta, em relação ao mesmo mês de 2013. A demanda seguiu em alta, avançando 8,2% sobre 2013. Foram mais de 6,3 milhões os passageiros transportados no mês, elevação de 3,4%.

A participação de mercado (market share) em março ficou assim: Tam – 38,9%; Gol – 36,2%; Azul – 16,5%; e Avianca – 8,4%.

No mercado internacional, do qual Gol e Tam respondem pelo total das companhias nacionais, houve forte retração de 8,8% em março. A demanda, por sua vez, expandiu 2%, levando a uma melhora de expressivos 8,5 pontos percentuais na taxa de ocupação dos voos (80,1%). Foram 395 mil os passageiros transportados pelas duas companhias em março, número praticamente estável em relação a 2013.

Na comparação dos primeiros trimestres para o mercado internacional, verifica-se uma considerável redução de oferta, de 8,6%, para uma demanda em ligeira queda, de 0,6%.

“Rio de Janeiro“ dá nome a novo Airbus 330 da Iberia


Para promover o Brasil, a Iberia batizou seu novo Airbus 330 com o nome Rio de Janeiro. A aeronave já traz a nova pintura da companhia aérea espanhola, bem como o novo design interno das classes executiva e econômica. A Iberia oferece 12 voos por semana entre Madri e Rio de Janeiro, e outros 24 voos semanais entre a capital espanhola e São Paulo, com previsão para este ano de oferta de 600 mil assentos nessas rotas.

“O Brasil é um de nossos mercados mais importantes na América Latina, oferecemos as melhores conexões para voar para toda a Europa e norte da África, e queremos promover esse singular destino em todos os países para onde voamos”, diz o diretor de Vendas da aérea na América Latina, Frédéric Martínez. Entre os destaques da empresa com os novos Aibus 330 está o sistema de entretenimento a bordo, individual para todos os clientes. Além disso, a empresa está testando sistema para oferecer wi-fi nas aeronaves

Alitalia terá voos extras no Rio e em São Paulo

A Alitalia anunciou voos extras para o Rio de Janeiro e São Paulo nos próximos meses. No Rio, para aproveitar o movimento da Copa do Mundo, de 9/6 a 20/7, a Alitalia colocou um voo semanal a mais, às quartas-feiras, e assim, nesse período, a operação será diária do Rio para Roma (e no sentido inverso).

As saídas do Rio de Janeiro são operadas pelos A330, configurados com 18 assentos na classe executiva (Magnifica), 17 na classe premium economy (Classica Plus) e 223 na econômica (Classica). 

Já São Paulo ganhará mais dois voos semanais para Roma, às sextas-feiras e aos domingos, de 3/8 a 17/10, totalizando, nesse período, nove voos semanais. Os voos com origem em São Paulo são operados por aeronaves Boeing 777, configurados com 30 lugares na classe executiva (Magnífica), 24 lugares na premium economy (Classica Plus) e 239 lugares na classe econômica (Classica). 

quarta-feira, 23 de abril de 2014

Lan Peru inaugura voo Foz do Iguaçu-Lima

A malha aérea limitada é um dos grandes problemas do destino Foz do Iguaçu. A cidade ganhou este mês um voo da Lan Peru, filial da Lan Airlines, ligando Foz do Iguaçu a Lima, capital peruana. Operado por aeronaves Airbus A319, o LA 2442 parte de Foz do Iguaçu às 19h50 e chega às 22h10 em Lima. Na rota inversa, o horário de decolagem do LA 2443 é às 12h10, com chegada prevista na cidade paranaense às 18h10. 

Delta Air Lines divulga lucro mais alto no 1º trimestre

São Paulo - A Delta Air Lines divulgou nesta quarta-feira um lucro maior que o esperado no primeiro trimestre, uma vez que a receita cresceu e a companhia se beneficiou com custos mais baixos de combustíveis e manutenção.

O lucro líquido ficou em 213 milhões de dólares, ou 0,25 dólar por ação, uma alta ante 7 milhões de dólares, ou 0,01 dólar por papel, no primeiro trimestre do ano anterior.
Excluindo itens, o lucro ficou em 0,33 dólar por ação, em comparação ao 0,29 dólar por papel esperado em média por analistas, segundo a Thomson Reuters I/B/E/S.

A receita trimestral cresceu 5 por cento para 8,92 bilhões de dólares.

Azul voará para os EUA a partir de 2015 com aviões Airbus

Campinas - A empresa aérea Azul anunciou nesta quarta-feira uma nova fase de sua expansão, com o lançamento de voos internacionais e a adição de 11 aviões da Airbus que se juntarão a sua frota de jatos regionais da Embraer e turboélices ATR.

A terceira maior empresa aérea do Brasil em market share receberá seis unidades do avião A330-200 para entrada em serviço no ano que vem. Depois, em 2017, virão cinco unidades do A350-900, todos eles equipados com motores Rolls-Royce e que serão arrendadas à Azul pelo grupo de leasing ILFC.
Atualmente, a empresa aérea opera 80 jatos Embraer e 56 aviões ATR apenas com voos dentro do país.
"Queremos proporcionar uma nova experiência nos voos internacionais, com segmentação de tarifas e serviços, seguindo o que estamos fazendo em todo o país", disse em comunicado o fundador e presidente da Azul, David Neeleman, que também criou a companhia aérea norte-americana JetBlue.
A Reuters antecipou na noite de terça-feira, com base em informações obtidas com duas fontes do setor, que a Azul anunciaria nesta quarta-feira sua primeira encomenda de avião de corredor duplo da fabricante europeia Airbus.
A Azul informou que pretende iniciar voos diretos de Campinas (SP), onde fica seu principal centro de operações, para os EUA a partir do primeiro trimestre de 2015. Os destinos prováveis são Flórida e Nova York e a definição das rotas ocorrerá no fim deste ano.

A Azul também assinou um contrato com a Rolls-Royce para serviços de manutenção de motores avaliado em 400 milhões de dólares.

Azul deve encomendar aviões de corredor duplo da Airbus

Paris/São Paulo - A Azul Linhas Aéreas, a terceira maior companhia aérea do Brasil, deve anunciar a expansão de sua frota na quarta-feira, incluindo uma encomenda de sua primeira aeronave de corredor duplo da fabricante europeia Airbus, de acordo com duas fontes do setor.

A encomenda colocaria a Azul, que é controlada pelo fundador da JetBlue David Neeleman, no mercado internacional, com jatos que poderiam operar rotas de longa distância, desafiando o maior grupo de aviação da América Latina, Latam Airlines.
A Airbus e sua concorrente norte-americana Boeing disputam essas encomendas de forma intensa. A Airbus ofereceu recentemente grandes descontos para que companhias aéreas de baixo custo escolham suas aeronaves de corredor duplo A330, em vez do mais moderno 787 Dreamliner, da Boeing.
Funcionários da Airbus e da Boeing não quiseram comentar. A Azul fará uma entrevista coletiva na quarta-feira, mas não deu detalhes sobre o assunto.
Perder um grande negócio junto à companhia aérea brasileira que mais cresce seria o segundo grande golpe para a Boeing desde dezembro em um importante mercado emergente em que tem aumentando a sua presença.
A fabricante de aviões sueca Saab AB conseguiu um cobiçado contrato de 4,5 bilhões dólares para fornecer caças à Força Aérea Brasileira no fim do ano passado, depois que a notícia de que os EUA estavam espionando brasileiros ajudou a inviabilizar as chances da Boeing no negócio.


GOL anuncia lançamento de voo Fortaleza-Buenos Aires

São Paulo - A GOL Linhas Aéreas Inteligentes anunciou a criação de um voo direto entre o Aeroporto Pinto Martins, em Fortaleza, e o Aeroporto Internacional de Ezeiza, em Buenos Aires.
O novo trecho será lançado no próximo dia 10 de maio. A GOL é a aérea com maior número de voos entre a Argentina e o Brasil, totalizando 77 frequências semanais, informou em comunicado.
Segundo a empresa, a iniciativa foi beneficiada pela redução da alíquota de ICMS sobre combustível de aviação, determinada pela Secretaria de Turismo do Estado do Ceará, através do Projeto de Lei 155/2013, que foi aprovado na Assembleia Legislativa (AL).
A alíquota incidente no Ceará foi reduzida de 30% para 12%, aplicável para todos os voos nacionais que partem do estado do Ceará para as empresas que também operam voos internacionais regulares nesse destino.
Em março, a GOL pediu autorização da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) para operar voos regulares entre Campinas e Miami, nos Estados Unidos, com escala em Santo Domingo.

terça-feira, 22 de abril de 2014

Etihad Regional inicia voos entre Genebra e Toulouse

A Etihad Regional iniciou esta semana os voos ligando Genebra a Toulouse. A nova rota terá duas frequências semanais e será operada inicialmente em aviões Saab 2000 com 50 assentos. A partir de maio, a companhia planeja operar uma aeronave ATR 72-500 maior, com 68 assentos. Em junho, o objetivo é aumentar os serviços para três operações por semana.

Segundo o CEO da Etihad Regional, Maurizio Merlo, a rota é um marco importante da estratégia da companhia, que visa expandir operações para grandes cidades regionais na Europa, oferecendo assim mais opções aos viajantes. O voo entre Genebra e Toulose é o primeiro a partir da base da aérea naSuíça com destino à França durante o ano todo e, entre maio e junho, serão iniciadas também as operações para as cidades de Bordeaux, Lyon e Marselha. A empresa já operava voos para os destinos franceses de Biarritz e Calvi durante o verão europeu.

Privatização da Tap pode ser reaberta ainda este ano

O Governo português disse ao Fundo Monetário Internacional (FMI) que a venda do Grupo Tap mantém-se, estando o Executivo à procura “ativamente” por compradores. A privatização poderá ser reaberta ainda este ano.

De acordo com a Agência Lusa, que cita o memorando de políticas econômicas e financeiras, de 28 de Março, junto ao relatório do FMI sobre a 11.ª avaliação ao programa de ajustamento português, “a venda da companhia aérea Tap, no entanto, permanece em espera”.

“Continuamos a procurar ativamente compradores para o grupo como um todo e esperamos relançar o processo [de privatização] no decorrer deste ano”, diz ainda o Governo português, que já pediu aos assessores financeiros do processo uma atualização da avaliação da companhia aérea.​

Facebook da Delta BR ultrapassa os 100 mil likes


A página do Facebook da Delta Airlines Brasil atingiu a marca de 100 mil likes e, de acordo com a plataforma de análise de mídias sociais Social Bakers, é a página da categoria que mais cresce, quando comparada a outras companhias aéreas internacionais que atuam no País. As mídias sociais da empresa, voltadas para o suporte ao público brasileiro, surgiram em junho de 2012 – tanto o Facebook quanto o twitter (@DeltaAjuda). 

"Interagir através das mídias sociais é uma ótima maneira de aprofundar o relacionamento com nossos clientes. Nós ouvimos suas ideias, comentários e experiências, e compartilhamos informações interessantes e divertidas para melhorar suas experiências de viagem", disse o diretor da Delta para o Brasil, Luciano Macagno. "Estamos sempre buscando novas maneiras de abordar nossos passageiros e oferecer benefícios que vão além da nossa rede global e da nossa aprimorada experiência de atendimento".