quinta-feira, 14 de agosto de 2014

A GOL registrou o primeiro lucro operacional

A GOL registrou o primeiro lucro operacional para um segundo trimestre desde 2010, alcançando R$38 milhões 
e uma margem operacional (EBIT) positiva de 1,6%. Essa evolução representa um aumento de R$73 milhões ou 
3,4 pontos percentuais frente ao resultado do 2T13, o que resulta no sexto trimestre consecutivo de progresso
no resultado operacional.
A receita líquida alcançou patamar recorde para o período de R$2,4 bilhões, ou R$466 milhões superiores ao 
mesmo trimestre de 2013. No acumulado dos últimos doze meses, a receita líquida também registrou a marca 
histórica de R$9,8 bilhões. A taxa de ocupação doméstica atingiu 76,0% e 76,4% no trimestre e no acumulado do 
ano, respectivamente, representando os maiores níveis apresentados para os períodos. O novo índice de 
ocupação, combinado ao crescimento do yield que registrou aumento de 17% no 2T14, impulsionou uma alta de 
30% no PRASK e no RASK frente ao mesmo período do ano anterior.
Os resultados obtidos pela GOL traduzem o empenho em realizar com segurança, simplicidade e simpatia, uma 
operação orientada a servir com excelência todos os clientes. 
Alinhado à estratégia de aumentar as receitas em Dólar, foi anunciado o acordo de codeshare com a Etihad 
Airways e Aeromexico, além das novas rotas entre Campinas (São Paulo) e Miami (Estados Unidos), e Guarulhos 
(São Paulo) e Santiago (Chile), tudo isso para oferecer novos destinos e maior conexão. Fruto dessas medidas, a 
GOL registrou no acumulado do ano um crescimento de 19% no número de clientes transportados no mercado 
internacional, resultado superior ao apresentado pela indústria, o que elevou sua participação nesse mercado 
em 4,2 pontos percentuais, alcançando 30%. Com isso, a receita de passageiro internacional vem atingindo 
níveis cada vez mais expressivos, tendo ultrapassado a marca de R$1,0 bilhão no acumulado dos últimos doze 
meses.
Frente a um cenário de desvalorização do Real de 8% frente ao Dólar médio do 2T13, aumento de 13% no preço 
do litro do querosene de aviação e maior pressão inflacionária, os custos da Companhia atingiram R$2,3 bilhões, 
20% acima do 2T13, o que representa 4 pontos percentuais inferiores ao crescimento de receita líquida 
alcançado no mesmo período.
A posição de caixa totalizou R$2,8 bilhões no final do 2T14, ou 29% da receita líquida dos últimos doze meses. A 
alavancagem financeira (dívida líquida ajustada/receita UDM) encerrou o trimestre em 4,6x frente a 11,3x no 
2T13. Essa evolução se deve principalmente ao aumento no EBITDAR dos últimos doze meses, que atingiu R$1,8 
bilhão – um incremento de R$1,1 bilhão frente ao mesmo período do ano anterior.
Para fortalecer o balanço da GOL, foram renegociadas as debêntures da quarta emissão, além da realização de
uma oferta para aquisição (tender offer) de US$187,1 milhões sobre as notas sêniores de emissão da 
Companhia, mantendo o foco constante na redução do custo da dívida e no alongamento dos prazos. 
A demonstração de todo o empenho do Time de Águias é comprovada pelos resultados obtidos durante a Copa 
do Mundo FIFA 2014™. Foram meses de preparação e planejamento que antecederam o Mundial de Futebol 
para a realização de mais de 28 mil voos comerciais, com uma média de 908 voos por dia e um total de 486 voos
extras. Para atender os passageiros de diversas nacionalidades, foram alocados tripulantes fluentes em diversos 
idiomas conforme o público de cada voo. Dentre os 4,5 mil colaboradores de aeroportos, foram deslocados 
temporariamente 3 mil para prover o maior suporte para a operação. A GOL lidera o número de clientes 
transportados: 3,4 milhões, atingindo uma taxa de ocupação de 81,2% no período e mantendo a liderança na 
pontualidade com 96% dos voos dentro do horário previsto. 
O sucesso da operação no Mundial de Futebol foi reconhecido pelos clientes, que avaliaram a GOL em nota 
recorde histórica na pesquisa de satisfação via SMS: 8,16, em uma escala de 0 a 10, reforçando o compromisso 
de superar esta marca até o fim deste ano.
A GOL agradece a fidelização de seus Clientes, o comprometimento demonstrado pelo seu Time de Águias e 
a confiança de seus Investidores, que cada vez mais reforçam nossa visão de ser a melhor companhia aérea 
para viajar, trabalhar e investir.
Paulo Sérgio Kakinoff
Presidente da GOL Linhas Aéreas Inteligentes S.A.

fonte: site da gol

Um comentário:

  1. DO YOU PLAY FIFA ULTIMATE TEAM?
    You probably need more coins!
    Check out FUT Millionaire.

    ResponderExcluir