segunda-feira, 31 de outubro de 2016

RENOVAÇÃO DA FROTA DA TAP JÁ ESTÁ EM MARCHA (COM VÍDEO)



A TAP está a renovar o interior de 48 aviões, num investimento previsto de 70 milhões de euros, e está a divulgar um vídeo em que mostra o processo de remodelação e o resultado do primeiro trabalho, feito no A319 Gago Coutinho.
Com a renovação, a TAP aumenta a capacidade dos aviões, passando a ter mais 12 lugares no caso dos aviões A319, e, através da utilização de materiais mais leves, retira 700 kg ao peso da aeronave.
O avião Gago Coutinho, com a matrícula CS-TTB, fez este Domingo o seu primeiro voo com a cabina totalmente nova, com destino ao Luxemburgo, operando o TP 694 e regressando na mesma noite a Lisboa com o código de voo TP 693.
Esta aeronave é a primeira de um projecto de renovação de 48 aviões, que conta com “várias empresas portuguesas como parceiras no seu desenvolvimento”, sublinha um comunicado da companhia aérea.
A cabina da classe executiva e a parte dianteira da cabina da classe económica passam a oferecer mais espaço entre cadeiras, designadamente 33 polegadas, cerca de 83 centímetros.
Os passageiros que viajam em executiva terão ainda acesso a tomadas, uma mesa de apoio e um ‘tablet holder’, além de que as suas cadeiras dispõem também de encostos para cabeça, com quatro opções de posição.
Em económica, os passageiros têm “uma opção igualmente moderna e ergonómica, com cadeiras pré-reclinadas”.
A nova cabina passa a contar “com dois tipos de novas cadeiras do mais avançado que existe hoje no mercado, os novos interiores estão aliados a uma imagem que apela à portugalidade, utilizando o vermelho e o verde, que são também as cores da companhia de bandeira portuguesa”.
“O design é integralmente português, da responsabilidade da Almadesign, que criou um conceito cuja materialização se faz com curvas graciosas, naturais e movimentos fluidos”, acrescenta a TAP.
O revestimento das novas cadeiras é pela primeira vez de produção portuguesa, da responsabilidade da Karmann Ghia de Portugal, sendo os couros utilizados, provenientes da também portuguesa Couro Azul.
Pressetur

Nenhum comentário:

Postar um comentário