quarta-feira, 27 de maio de 2015

Compra da irlandesa Aer Lingus pela dona da British Airways avança

O governo irlandês deu o sim à venda da sua posição à operação IAG, o que levou ao lançamento da OPA por quase 1,4 mil milhões de euros.
O governo irlandês aceitou a venda da sua participação de 25% na companhia aérea Aer Lingus à International Airlines Group IAG, dona da British Airways e da Iberia. A oferta pública de aquisição está avaliada até perto de 1,4 mil milhões de euros.

O negócio não é novo mas foi esta terça-feira que teve um aval irlandês. "O Governo decidiu que vai apoiar a proposta da IAG", segundo um comunicado, citado pela Bloomberg, assinado pelo ministro irlandês dos Transportes, Paschal Donohoe.

Com a aprovação, foi já emitido um outro comunicado, através do site do regulador do mercado de capitais espanhol, por parte da IAG, indicando que vai avançar com uma oferta pública de aquisição sobre a totalidade do capital da Aer Lingus.

A oferta é de 2,50 euros por acção, acrescentando de um dividendo de 5 cêntimos a 29 de Maio para os accionistas que tinham títulos a 1 de Maio. As acções da empresa irlandesa terminaram a sessão anterior a negociar nos 2,39 euros.

No seu comunicado, o grupo que detém a British Airways refere que a empresa irlandesa vai continuar a operar com a sua própria marca e que vai permitir criar uma posição mais forte para os voos transatlânticos.

Entretanto, o grupo também teve de acordar com Dublin, como contrapartida da operação, manter empregos e as ligações aéreas de e para o aeroporto londrino de Heathrow. Segundo o Financial Times, estão prometidos 150 novos postos de trabalho até ao final do ano. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário